Marca Maxmeio
Natal Card
Gastronomia
09 / 10 / 2017 - Por Jean Valério

Camarões e ostras têm destaque no Espaço Terroir do SebraeEspaço foi estruturado pelo Sebrae RN na 55ª Festa do Boi

Além de comercializar pratos, a Ostraria fará degustações a partir do dia 11 – Foto: Moraes Neto

As ostras que são cultivadas de forma agroecológica na Lagoa de Guaraíras, no município de Tibau do Sul (distante 77 quilômetros de Natal), entraram no menu do Espaço Terroir, estruturado pelo Sebrae no Rio Grande do Norte na 55ª Festa do Boi. As ostras de sabor amendoado, que receberam a marca ‘Ostra da Pipa’, viraram pratos e estão sendo comercializadas na Ostraria com preços que varia de R$ 3,00 a R$ 30, dependendo do pedido. Apresentar para degustação e venda esses produtos que têm uma forte identidade com o local onde foram produzidos é a proposta do Espaço Terroir, que funciona diariamente das 14h às 22h, no Parque Aristófanes Fernandes, em Parnamirim.

Na Ostraria, que é gerida pelos integrantes da Associação dos Produtores Potiguares de Ostras (Aproostra), o visitante pode sentar e apreciar a iguaria in natura ou gratinada. A unidade sai por apenas R$ 3,00 ou a porção de ostras cujos preços vão de R$ 25 a R$ 30, dependendo se for natural ou gratinada respectivamente. O cardápio, no entanto, não para por aí. A Ostraria também serve um delicioso caldo de ostras orgânicas (R$ 10) e os saborosos pastéis de ostras. A porção com três unidades fica por R$ 10.

De acordo com informações da Aproostra, além da comercialização, a partir da próxima quarta-feira (11), quem passar pelo local também poderá degustar o menu. A expectativa da associação é vender até o fim da Festa do Boi, no sábado (14), mais de mil ostras.

As degustações não se limitam ao molusco. A Associação Norte-rio-grandense dos Criadores de Camarão (ANCC) promove diariamente às 18h pratos diferenciados feitos com o crustáceo. Nesta segunda-feira (9), o prato será camarão com farofa de castanha e molho de ervas. A ANCC também está disponibilizando para o público visitante a opção de comprar alguns produtos das marcas associadas, entre filés de camarão, cujo quilo sai pelo menos a R$ 70, a caixa de dois quilos do crustáceo inteiro (R$ 80).

Um local para ver, degustar, comprar e aprender a harmonizar produtos regionais de alto apelo gastronômico, como os vinhos gaúchos, as ostras, os queijos potiguares, as castanhas do Acre e o café capixaba. Assim é Espaço Terroir, que tem exposição, degustação e harmonização de produtos, além de mais de 50 tipos de capacitações diferentes, entre palestras, oficinas e seminários, tratando dos sabores de cada canto do Brasil. Inscrições pelo 0800 570 0800. A grade completa está no site www.rn.sebrae.com.br/terroir/.

Aproximação comercial

De acordo com o gerente da Unidade de Agronegócios do Sebrae, Ângelo Baeta, a intenção ao idealizar o espaço foi dar exemplo aos produtores locais de como é possível lucrar mais com agregação de valor ao produto regional, já que o local trouxe os principais exemplos de produtos terroir de várias regiões do Brasil, e, ao mesmo tempo, atrair quem normalmente compra esses artigos: donos de restaurantes, hotéis, supermercados e mercadinhos – público que normalmente não frenquenta a Festa do Boi para fazer negócios.

Para isso, será feita uma aproximação comercial, com uma visita guiada com futuros compradores, entre os 27 expositores do lugar. A cada dia, das 16h às 22h, compradores de segmentos diferentes terão a oportunidade de conhecer os produtos expostos que trazem o conceito terroir – aqueles oriundos de uma determinada região com influência de clima, terra, relevo e águas que os tornam específicos, como é o caso dos queijos da região do Seridó.

No dia 8, é a vez de compradores da indústria de alimentos e bebidas. Já no dia seguinte a visita será direcionada a chefes de cozinha e gestores de compras de estabelecimento do setor de alimentação fora do lar e meios de hospedagem. No dia 10, é a vez dos supermercados, centrais de compras e mercadinhos conhecerem os produtos.

Revista Negócios.Net

Revista Negócios 70
Revista Negócios 69
Revista Negócios 68
Revista Negócios 67
EDIÇÃO N° 62 – MARÇO DE 2016
Revista Negócios 61
Edição n˚59
Edição n˚58
Edição n˚56
Edição n˚55
Edição n˚54
Edição Nº 53
Edição Nº 52
Edição Nº 51

Twitter /RevNegocios

  • @revnegociosPara quem está disposto a voltar a investir, o segmento imobiliário é a proposta mais vantajosa do momento.… https://t.co/d5e9w9gJ2L@revnegocios1 semana atrás
  • @revnegociosO Rio Grande do Norte é o estado brasileiro que mais gera energia pela força dos ventos e dispõe da maior capacidad… https://t.co/bbOgusVPF0@revnegocios1 semana atrás
  • @revnegociosIndústria da Reciclagem cresce e mira para o futuro: https://t.co/EJqSYjKdJi https://t.co/X0HH3746nq@revnegocios1 semana atrás

Instagram /RevNegócios

Facebook /RevNegócios

TV Negócios.Net